Notícias São Miguel do Oeste Diplomado

Egresso do curso de Educação Física publicará livro de seu TCC em editora alemã

Por: Karine Bender
imprensa.smo@unoesc.edu.br
26 de Novembro de 2015

O egresso do curso de Educação Física da Unoesc São Miguel do Oeste, Maycon Tibola, terá a sua pesquisa de Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), publicada em livro pela editora alemã Novas Edições Acadêmicas. A obra Atividade física aeróbica: uma proposta pedagógica será publicada em cinco línguas diferentes: russo, alemão, inglês, espanhol e português. A previsão é que o livro seja publicado no início de 2016 e distribuído em mais de 40 países. A obra tem como coautora a professora da Unoesc, Elis Regina Frigeri.

Desenvolvida em 2009, a pesquisa foi aplicada em uma escola pública do município de Descanso, com alunos do sétimo e oitavo ano do Ensino Fundamental, que tinham idade entre 12 e 14 anos. O objetivo era fazer com que os adolescentes compreendessem os benefícios da atividade física e a importância de executá-la.

Maycon explica que, no primeiro momento, foi elaborada uma entrevista semiestruturada para identificar qual o conhecimento que os estudantes tinham sobre a temática a ser trabalhada. A partir dessas respostas, foi elaborado o plano de intervenção com os alunos.

— Foram ministradas aulas práticas e teóricas voltadas à atividade física para a saúde. Depois foi aplicado novamente o questionário e comparado com a literatura. Percebemos um grande progresso, em um mês, pelo fato de ensinar a fazer a atividade física de forma correta e explicar os seus benefícios — detalha o egresso.

Segundo a orientadora da pesquisa, professora Elis Regina Frigeri, durante as aulas, trabalhou-se com o cognitivo, o conhecimento, o social e o afetivo dos alunos. A professora explica que a Educação Física não trabalha apenas com o físico, desenvolvendo o motor.

— Toda vez que o professor proporciona uma nova vivência na qual o aluno tem que realizar movimentos que desconhece, é trabalhado com o cognitivo, ao pensar no que vai realizar. A Educação Física também tem a função de trabalhar com o social dos estudantes, não há uma aula em que o ser é individual, o que acontece fisiologicamente no organismo de uma pessoa pode ser diferente da outra, mas é possível correr juntos, por exemplo. Além disso, trabalha com o afetivo, pois quando o indivíduo consegue ultrapassar seus limites ele fica bem consigo — explica a professora.

Educação Física e Saúde

Elis Frigeri ressalta que o objetivo é levar saúde para dentro das escolas e das aulas de Educação Física.

— A saúde tem que ser exposta, explicada e compreendida pelos alunos, desde a primeira infância. Para isso, o professor precisa dar o exemplo que é uma pessoa saudável e que pratica atividades saudáveis, além de fazer com que a criança sinta prazer, por meio de atividades lúdicas ou recreativas — destaca a professora, salientando que as competições não são equivocadas, mas têm a idade certa para serem trabalhadas com os estudantes.  

A atividade física não precisa ser algo maçante. Elis salienta que a vivência aeróbica pode ser conquistada gradativamente. Com o tempo, a pessoa conhece o seu corpo e consegue perceber que pode ir além e traçar novos objetivos. Isso interfere na autonomia do indivíduo e na capacidade de perceber os benefícios da atividade física.

Galeria de Fotos

Comentários

Voltar Imprimir Notícia
Acesse o site da Unoesc pelo seu celular.